Arquivo da tag: política

Onde está o governo?

Eu nunca, na minha história, tive essa percepção de ausência de governo em meu país. Talvez isso pudesse acontecer, lá na França. Mas isso não é nada.

O que impera no país é a bandidagem. Não esses bandidos comuns que “honestamente” tentam ganhar o pão de cada dia, assaltando, assassinando ou vendendo drogas, mas a bandidagem institucionalizada.

Ouvindo Ricardo Boechat hoje na Bandeirantes (gostei do modelo, ele no rádio e a TV transmitindo) foi possível vislumbrar a que nível chega os bandidos que ocupam o Parlamento, os Palácios de Justiça e todos os prédios do Executivo. Continue lendo

Um olhar possível sobre o momento político brasileiro

Depois de muita insistência do editor do Vivendocidade  volto a escrever sobre alguns assuntos que vem tomando conta da mídia nos últimos tempos. Perdoe-me o nobre leitor se por acaso parecer que eu não esteja falando coisa com coisa, porque é realmente por ai.

impotência e derrota
Hoje quero falar sobre o (des)governo da presidente Dilma. Eu nunca, na minha história e nem na história deste país, senti algo parecido. Em outros governos, a sensação de que, por pior que pudesse ser, tínhamos uma pessoa no comando, existia. Até mesmo o Collor foi mais presente no Planalto do que é hoje a presidente Dilma. E parece que isso não tem volta, e pode durar pelo menos mais 4 anos. Continue lendo

Meus 20 centavos sobre o populismo

…ou “Porque o brasileiro adora ser vira-lata”

Muito tem se falado sobre a saída da presidente, petrolão, terceiro turno, e as manifestações que tem acontecido em várias cidades pedindo, entre outras coisas, o fim da corrupção em nosso país. Em outras palavras, tudo se resume em (usando os termos da moda): coxinhas contra petralhas.

Antes de tudo, o assunto é muito complexo para ser resumido em apenas dois conceitos (antagônicos), assim como é impossível também aceitar que o comunismo é o fim de tudo, ou que o capitalismo é o heroi do povo contra todo o mal que existe.

Essa forma binária de rotular as coisas é bem babaca, aliás.

Enfim, eu entendo que não só o Brasil, mas a América Latina como um todo sofre de um mal chamado POPULISMO, onde o cidadão faz qualquer coisa para chegar ao poder, para em seguida, fazer coisas ainda piores para se manter lá. Continue lendo